x
Obrigado por se inscrever!
RECEBA

Envelhecimento facial

O aspecto da face identifica facilmente a faixa etária de uma pessoa. As mudanças no contorno e na harmonia do rosto que ocorrem com o passar dos anos são características e tem sido muito estudadas. Existem múltiplos fatores internos e externos que agem nos tecidos e que são responsáveis por toda esta modificação. Nas mulheres, de modo especial, a exposição ao Sol e as mudanças hormonais são as causas mais importantes no processo de envelhecimento.

As mudanças mais importantes são decorrentes das alterações anatômicas da face como a atrofia progressiva dos músculos principalmente os responsáveis pela mímica, perda óssea e redução ou deslocamento de gordura. Na pálpebra inferior cria a impressão de “bolsa palpebral”; na região malar (“das bochechas”) provoca a queda destas proeminências ocasionando o aumento do vinco ao redor da boca e o aparecimento das sobras na mandíbula (“fofão”). A queda nas sobrancelhas cria a impressão de sobra de pele na pálpebra superior.

Na região entre as sobrancelhas, a flacidez e movimentação prolongada dos músculos precipita o aparecimento de sulcos que nos homens podem ser extremamente exagerados.

As alterações que ocorrem na estrutura celular da pele como a atrofia da derme e a perda de fibras elásticas, agrava ainda mais o aspecto final, além de facilitar o aparecimento de “manchas” que são placas de proteção formada de melanina que tem a missão de evitar a passagem de raios solares numa pele afinada pela idade.

O primeiro passo é o diagnóstico preciso das alterações e suas origens. Quando forem identificadas alterações anatômicas, as opções são a Revolumerização, Preenchimento e Toxina Botulínica.

Fonte: BemStar


Se interessou por essa solução?

Tire suas dúvidas marcando sua consulta presencial.
Ligue para 17 4009-5500 ou escreva para derm@derm.com.br